Como gerar renda extra na quarentena?

Dinheiro é um recurso, que como qualquer outro, é trocado por algo de valor. Este é o primeiro entendimento que se deve possuir no sentido de buscar um aumento de renda. Cada pessoa, experiência, vivência trouxe a você, seus familiares e todas as outras pessoas a capacidade de ver o mundo de uma forma única, bem como de criar, transformar e produzir valor através de produtos, serviços e experiências.

Nós pagamos por isso. Você paga por isso, as vezes todos os dias. Seja na sua escolha por tomar café em lugar específico, ou se exercitar em uma determinada academia. Tudo são decisões e se você opta por usar o seu dinheiro para adquirir algo de valor que outra pessoa tem a oferecer, o que a impede de fazer o contrário com você?

Muitas vezes pela estrutura do sistema de ensino, entende-se que somente sabemos algo após terminar uma faculdade, um curso, entretanto, qual o limite? Mestrado? Doutorado? Livre-Docência? O serviço para ter valor precisa acompanhar anos de aprendizado e teste e milhares de reais em investimentos e faxadas? Você precisa ser um empresário com dezenas de funcionários para ganhar dinheiro?

Claro que não. No entanto, você precisa também se submeter a um sub-emprego? Tudo depende do nosso momento financeiro e da nossa capacidade de transformar as nossas capacidades, conhecimentos e bagagem em dinheiro. É o que muitos chamam de espírito empreendedor, mas que não passa da adoção de uma perspectiva diferente perante um mesmo cenário. Encarar o mundo buscando por oportunidades. Procurando entender o que as pessoas precisam e como você, com as suas habilidades e incríveis vivências pode oferecer isso a elas. Em troca de dinheiro, ou em troca de algo que o outro ofereça que tenha valor para você.

Neste período de quarentena, muitos de nós estão sendo obrigados a trabalhar em home office, questionando sobre seus futuros e suas chances de continuar crescendo ou até permanecendo nas suas respectivas empresas. E pensando exatamente nestas pessoas que sugiro: tente utilizar a mesma abordagem. Olhando de cima: o que eu faço de melhor e como eu posso oferecer isso à minha empresa de forma a ser percebido como alguém que contribuiu em um período tão turbulento. Coloque-se não no lugar do seu chefe, mas do líder dele, da empresa. O que estas pessoas precisam? E como eu posso ajudar o meu chefe a oferecer isso a elas.

Em um período em que o toque é proibido, nada como a empatia, se colocar no lugar do outro, para aquecer nossos corações e nos dar força para que juntos, possamos crescer e ganhar mais dinheiro.

Fonte: 

Curtiu? Coloque aqui o seu E-Mail e receba os próximos artigos!